Arquivos por mês: Dezembro 2006

R&L/Notícias – «Laicismo» e «laicidade» em textos de diferentes autores

A partir de hoje, é possível encontrar textos de diferentes autores sobre «laicismo» e «laicidade» na página TEXTOS TEM?TICOS deste sítio da R&L.

R&L/Imprensa – R&L no semanário «Sol» [30-12-06]

R&L no semanário «Sol»  A associação R&L vem referida no semanário «Sol» a propósito da sua posição relativamente à (eventual) presença de símbolos religiosos católicos nas assembleias de voto do próximo referendo sobre a despenalização da IVG e ao tratamento que essa questão mereceu por parte da Comissão Nacional de Eleições. acesso a: arquivo/R&L (pdf)

R&L/Imprensa – R&L no jornal «O Povo de Guimarães» [29-12-06]

  REPÚBLICA E LAICIDADE NO JORNAL     Foi hoje publicada a extensa entrevista que Luis Mateus, presidente da associação cívica República e Laicidade, deu ao jornal «O Povo de Guimarães» aceder à notícia: arquivo R&L (pdf)

ARL na RTP-N (23 horas)

O presidente da Associação República e Laicidade, Luis Mateus, estará hoje numa mesa-redonda na RTP-N, às 23 horas.

R&L/Imprensa – R&L no jornal «Público» [24-12-06]

A TERR?VEL CAMPANHA ANTI-NATAL (2) O Jornal «Público» de 24 de Dezembro vem, uma vez mais, significativamente ocupado (vários artigos) com a defesa das comemorações do Natal contra a «tal» (suposta) «perseguição» sistemática e planetária de que aquelas festas estariam a ser presentemente alvo. Embora não expressamente referida, a associação cívica República e Laicidade volta

R&L/Imprensa – R&L no jornal «Público» [23-12-06]

UM APELO AO BOM SENSO Depois do «desatino» que foi o número de ontem do jornal «Público», Rui Tavares, em oportuníssimo artigo de opinião, vem fazer um apelo à inteligência dos leitores e (tentar) repôr alguma serenidade e bom senso no «discurso» do jornal. acesso a: arquivo/R&L (pdf)

A «guerra» continua, «Cristo» no meio da rua!

Ao separar os cadernos do Público hoje de manhã à mesa do café, o primeiro título que me chamou a atenção estava no caderno Local e noticiava que uma figura de «Cristo» fora roubada, pela segunda vez, do presépio que se encontra num jardim de Faro. A câmara municipal, preocupada com a correcção religiosa do

R&L/Imprensa – R&L no jornal «Público» [22-12-06]

UMA TERR?VEL CAMPANHA ANTI-NATAL O Jornal «Público» de 22 de Dezembro vem significativamente ocupado (vários artigos) com a defesa das comemorações do Natal contra uma suposta «perseguição» sistemática e planetária de que aquelas festas estariam a ser presentemente alvo. A associação República e Laicidade é aí directamente visada, como se ela pudesse, de algum modo,

«Quando festejar o natal é proibido»

(carta publicada no jornal Público do dia 21/12.) Caro senhor Director do Público, Na edição de domingo (17/12) do seu jornal, o jornalista António Marujo publicou um texto («Quando festejar o Natal é proibido») que parece deliberadamente concebido para fomentar a ilusão de que existe uma campanha internacional para «proibir» alguns festejos cristãos desta época.

Presépios públicos no Portugal profundo

PRESÉPIOS PÚBLICOS NO PORTUGAL PROFUNDO… Num Centro de Saúde de uma povoação do Centro do país, um amigo nosso, profundamente tocado pelos múltiplos presépios que encontrou espalhados pelas muitas secretárias e balcóes de atendimento daquela unidade de serviço público, não resistiu a tocar num deles e… o resultado aqui fica: